Página Inicial







Em Foco
Abril de 2019

Via-Sacra missionária
Por: Redacção



  Na Quaresma acompanhamos Jesus no seu caminho de cruz, até à Páscoa de Ressurreição. Cada estação desta via-sacra, ilustrada com pinturas africanas e o pensamento do Papa Francisco da exortação apostólica A Alegria do Evangelho, está marcada pela dor e a alegria, o desânimo e a esperança, a angústia e a emoção. Cada estação é, para nós hoje, fermento de Evangelho e semente pascal.       1.ª Estação: Jesus é condenado à morte Jesus não veio ao mundo para julgar ou castigar, senão para salvar, mas Ele foi julgado, condenado e destruído. «Hoje devemos dizer “não a uma economia da exclusão e da desigualdade social”. Esta economia mata. [...] O ser humano é considerado, em si mesmo, como um bem de consumo que se pode usar e depois lançar fora. [...] Os excluídos não são “explorados”, mas resíduos, “sobras”» (EG, 53).   2.ª Estação: Jesus toma a sua cruz Desde que Jesus carregou com a cruz, todos os nossos pesos são mais suaves e suportáveis. Hoje, são tantas as pessoas...

Indique o seu nome de Utilizador e Palavra-chave para obter o texto completo.
Se já é assinante e deseja consultar os destaques on-line peça o Nome de Utilizador e Palavra Passe utilizando este formulário.





Comente esta informação

Imprimir   |   Enviar a um amigo



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados