Página Inicial







Camarões: Bispos rezam pela libertação de missionários sequestrados
7 de Maio de 2014

Os Bispos de Camarões condenam o sequestro dos dois sacerdotes Fidei Donum italianos, padre Gianantonio Allegri e padre Giampaolo Marta, e de uma religiosa canadiana, irmã Gilberte Bussier, da Congregação das Irmãs de Nossa Senhora de Montreal, ocorrido na noite de 4 de Abril.

 

“Este é o segundo sequestro de agentes apostólicos na Diocese de Maroua-Mokolo e o terceiro na região do extremo norte, depois da família Fournier” afirma uma declaração emitida à imprensa pela Conferência Episcopal dos Camarões. Em Novembro de 2013, foi sequestrado na mesma região o padre Georges Vandenbeusch, sacerdote Fidei Donum francês, libertado no Ano Novo. Anteriormente, alguns turistas franceses pertencentes ao mesmo núcleo familiar foram sequestrados e libertados depois de 2 meses de cativeiro.

 

Os Bispos expressam “sua firme condenação destes inadmissíveis actos de grupos extremistas contra ministros da Igreja, e de todo acto de violência que ameaça a dignidade das pessoas”. “Em comunhão com a Diocese de Maroua-Mokolo, convidamos todas as comunidades cristãs a organizar momentos de oração pela rápida e incondicionada libertação dos missionários sequestrados. Nestas circunstâncias, a oração é a única arma eficaz”, concluem os Bispos.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados