Página Inicial







Europa: Rede de jornalistas cristãos da Europa
28 de Fevereiro de 2014

Jornalistas cristãos da Europa constituíram a rede “EurCom” com o objetivo de promover a informação e comunicação que capacite os cidadãos para a “responsabilidade” de responder aos desafios do Continente com “palavras e gestos de esperança”.

 

“Estimular e apoiar o crescimento da consciência e da cidadania através de uma informação e de uma comunicação que ajude as pessoas a serem mais conscientes da responsabilidade e da capacidade de responder com palavras e gestos de esperança aos múltiplos desafios enfrentados por cada um dos países, pela Europa e os outros continentes” é o objetivo da “Rede de jornalistas pela Europa”.

 

A página oficial do projeto foi lançada na quinta-feira, 27 de Fevereiro, e deve funcionar como plataforma de diálogo: “para os jornalistas cristãos se encontrarem com colegas de outras religiões e outras matrizes culturais” tendo por base de diálogo a “ética profissional” como “lugar indispensável” para o encontro entre comunicadores.

 

A EurCom quer “contribuir para o crescimento da liberdade e da democracia”, “assegurar o respeito pela dignidade e pelos direitos do homem” e “colaborar na construção do bem comum, na Europa e no mundo”, afirma a rede de jornalistas na página da intenet.

 

“Para atingir este objetivo, os jornalistas cristãos acreditam que é indispensável agir profissionalmente à luz do Evangelho”, sublinham.

 

A “EurCom” é uma iniciativa de jornalistas de 14 países da Europa, incluindo Portugal.

 

As informações são da «Agência Ecclesia».



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados