Página Inicial







Nigéria: Diocese de Maiduguri regista 109 fiéis vítimas da violencia
24 de Março de 2014

São 109 os fiéis católicos da Diocese de Maiduguri, a maior da Nigéria, assassinados nos últimos ataques cometidos pela seita Boko Haram. A diocese abrange os estados de Borno e Yobe (nordeste) e um terço do de Adamawa.

 

A denúncia foi feita pelo Pe. Gideon Obasagie, Diretor do Departamento de Comunicações da Diocese de Maiduguri, numa coletiva de imprensa realizada no Seminário Menor de Yola.

 

Pe. Obasagie ressaltou que por causa da violência de Boko Haram 107 crianças se tornaram órfãs e 27 mulheres perderam seus maridos.

 

Segundo Dom Oliver Dashe Doeme, Bispo de Maiduguri, de 2009 até hoje, 500 fiéis católicos foram mortos por Boko Haram na sua diocese. Comparando este dado com o revelado por Pe. Obasagie, observa-se que 22 por cento das mortes ocorreram nos últimos meses.

 

O Diretor do Departamento de Comunicações da Diocese de Maiduguri também recordou que muitos fiéis foram sequestrados durante o ataque cometido por Boko Haram, e que o destino dos reféns é desconhecido.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados