Página Inicial







Mundo: Hoje é Dia da Justiça Social
20 de Fevereiro de 2014

Secretário-Geral da ONU fez uma declaração para marcar o Dia Mundial da Justiça Social, celebrado nesta quinta-feira, 20 de Fevereiro, e afirmou que a diferença entre ricos e pobres está a aumentar no mundo todo, mas que a data serve para mostrar o poder da solidariedade global para a criação de novas oportunidades para todos.

 

Ban Ki-moon, alertou que está aumentando a diferença entre as pessoas mais pobres e as mais ricas do mundo. Segundo ele, esta situação acontece não somente na comparação entre países mas também dentro de cada nação, inclusive entre as mais prósperas.

 

O representante da ONU disse também que a data é observada para demonstrar o poder da solidariedade global no sentido de avançar na criação de novas oportunidades para todos.

 

Ban explicou que circunstâncias como onde a pessoa nasceu, viveu ou a sua raça ou género não devem determinar nunca sua renda.

 

Além disso, o Secretário-Geral afirmou que essas circunstâncias não podem determinar as oportunidades dessas pessoas para obter uma educação de qualidade, serviço de saúde básico ou um trabalho decente.

 

Ainda nessa lista, o chefe da ONU citou o acesso à água potável, a participação política e o facto de se viver livre de ameaças ou violência física.

 

Para Ban, com a ampliação das desigualdades, o tecido social das sociedades acaba se esticando também. Isso segundo ele, leva a uma espiral descendente de incertezas económicas e sociais e até mesmo a distúrbios populares.

 

Ban afirmou que todos devem fazer mais para proporcionar mais poder às pessoas através de um bom emprego, proteção social e garantir aos pobres e marginalizados que suas vozes serão ouvidas.

 

O Secretário Geral deixou claro que neste momento é importante fazer da justiça social o ponto central para se alcançar um crescimento equitativo e sustentável para todos.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados