Página Inicial







África: Bispos pedem prioridade na luta contra a pobreza
7 de Abril de 2014

Bispos africanos reunidos no Simpósio das Conferências Episcopais da África e Madagáscar (SECAM/SCEAM) apelaram para que a “União Europeia adopte políticas coerentes para o desenvolvimento de África e encoraje os líderes africanos a considerar prioritária a erradicação da pobreza”.

 

O apelo está presente em um documento do SECAM para a Quarta Cimeira União Europeia/África realizado em Bruxelas, na Bélgica, nos dias 2 e 3 de Abril.

 

Os bispos dizem que não basta falar sobre princípios, intenções e apontar injustiças em África sem apoiá-los com maior consciência pessoal de responsabilidade e ação. Eles pedem ainda que a Europa seja um verdadeiro parceiro de África.

 

Recordando que a África é rica de recursos naturais, os Bispos afirmam que um dos piores males que aflige o continente é a corrupção (“um câncer que atinge todos os países”), que prejudica setores inteiros da administração pública e da economia, impedindo uma correta exploração dos recursos locais em benefício da população.

 

O documento aponta ainda numerosos desafios, como a própria corrupção, a pobreza das instituições democráticas, os abusos de direitos humanos e os conflitos. Estas são causas contra o desenvolvimento de África e os bispos esperam que a UE, através das suas políticas e ações, contribua direta ou indiretamente para mitigar esses desafios.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados