Página Inicial







Sudão do Sul: Sete milhões em risco de fome
4 de Abril de 2014

A Organização das Nações Unidas (ONU) afirma que sete milhões de pessoas enfrentam o risco de fome no Sudão do Sul.

 

"Temos a 3,7 milhões de pessoas que já estão em grave risco de inanição", afirmou, em Genebra, Toby Lanzer, chefe das operações humanitárias das Nações Unidas no país.

 

 "Se perdermos a temporada de semeadura, haverá um declive catastrófico na segurança alimentar", afirmou ainda, acrescentando que se a situação piorar, poderá afectar até sete milhões de pessoas em todo o país e virar a pior onda de fome no continente desde a da Etiópia nos anos 1980.

 

Em comunicado, a Organização das Nações Unidas para Agricultura e Alimentação (FAO) informa que recebeu 13,7 milhões de dólares (10 milhões de euros) do Reino Unido como parte do financiamento de emergência para apoiar as famílias afetadas pelo conflito sul-sudanês.

 

O montante visa recuperar os meios de subsistência da população com base na agricultura e prevenir uma situação de insegurança alimentar considerada cada vez mais alarmante.

 

O valor atribuído pelo Departamento britânico para o Desenvolvimento Internacional, Dfid, coincide com o início das chuvas no país africano.

 

A responsável pela FAO no Sudão do Sul disse que o período é extremamente apertado para fazer a distribuição de sementes e outros insumos essenciais aos agricultores. Sue Lautze defende que se alcancem as populações a tempo para permitir o plantio nas áreas inacessíveis.

 

No total, o apelo lançado pela FAO visa recolher 77 milhões de dólares para ajudar 2,3 milhões de pessoas com auxílio imediato. O objetivo é apoiar o plantio de vegetais de maturação rápida, legumes, alimentos básicos além da captura de peixe e contenção das doenças do rebanho.

 

O apoio da FAO deve ajudar a reconstruir a vida de famílias afetadas por conflitos em áreas vulneráveis, através do apoio aos agricultores.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados