Página Inicial







Sudão do Sul: Desenvolvimento passa pela segurança alimentar
23 de Maio de 2012

Relatório das Nações Unidas afirma que para promover o desenvolvimento humano no Sudão do Sul é preciso garantir a segurança alimentar. Documento traz pelo menos duas recomendações chaves: Melhorar a produção agrícola e dar poder às mulheres do campo para que elas possam aceder às informações sobre os mercados.

 

Na apresentação do documento em Juba, o diretor do «Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento» (UNDP), George Conway, disse que «no novo programa de ajuda para o desenvolvimento está a colocar a segurança alimentar no topo dos objetivos do Sudão do Sul» e que «conta com a ajuda do Governo local para que esta meta seja cumprida».

 

O relatório, intitulado «Rumo a um Futuro de Segurança Alimentar», aponta que 54 nações africanas possuem sua segurança alimentar ameaçadas.

 

Apenas no Sudão do Sul, 4.7 milhões de pessoas (mais da metade da população) não tem garantias de alimentação e o deficit de cereais é de 470 mil toneladas.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados