Página Inicial







Itália: Papa recebido no Encontro Mundial das Famílias
1 de Junho de 2012

Bento XVI chega hoje, 1 de junho, a Milão, no norte da Itália, para participar no «7.º Encontro Mundial das Famílias», iniciado na quarta-feira e com conclusão marcada para domingo.

 

A iniciativa tem como tema «A família: o trabalho e a festa», tendo o antigo responsável pela diocese italiana, cardeal Dionigi Tettamanzi, alertado esta quinta-feira para as consequências da precariedade do trabalho e do desemprego, que "ameaçam" as pessoas.

 

«O trabalho e a festa estão intimamente ligados à vida das famílias: condicionam as suas escolhas, influenciam os relacionamentos entre os cônjuges, e entre os pais e os filhos, incidem sobre a relação da família com a sociedade em geral e com a Igreja», escreveu o Papa na carta enviada para a preparação deste encontro.

 

Famílias de mais de 100 países, incluindo Portugal, participaram num Congresso Teológico Pastoral e dinamizam iniciativas como o «Congresso das Crianças», dedicado aos mais novos, e várias atividades em Milão e nas dioceses vizinhas da Lombardia.

 

Bento XVI vai chegar ao aeroporto de Milão, cerca de 580 km a norte de Roma, pelas 17h00 locais (menos uma em Lisboa), seguindo para a Praça da Catedral, onde se vai dirigir pela primeira vez à população.

 

Às 19h15, o Papa assiste a um concerto, em sua homenagem, no Teatro La Scala.

 

No dia seguinte, pelas 10h00, decorre a celebração de laudes, com os padres, religiosos e religiosas da diocese milanesa, na catedral local.

 

A seguir, Bento XVI desloca-se ao Estádio Giuseppe Meazza, também conhecido como San Siro, para um encontro com jovens.

 

Na tarde de sábado, tem lugar uma reunião com as autoridades civis de Milão, antes da participação, pelas 20h30, na «Festa dos Testemunhos» inserida no Encontro Mundial das Famílias.

 

O programa de domingo inclui a celebração da missa, pelas 10h00, no Parque Norte, na periferia da cidade, durante a qual o Papa deve anunciar a sede do próximo encontro; o regresso a Roma está previsto para as 17h30.

 

Os Encontros Mundiais das Famílias iniciaram-se na capital italiana, em 1994, repetindo-se a cada três anos com o objetivo de «celebrar o dom divino da família» e aprofundar a «compreensão da família cristã como Igreja doméstica e unidade básica de evangelização».

 

Com informações da «Agência Ecclesia».



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados