Página Inicial







Vaticano: Papa recordou vítimas do Holocausto e doentes de lepra
28 de Janeiro de 2013

Ao final da Oração Mariana do Angelus na Praça São Pedro, Bento XVI recordou no domingo, 27 de Janeiro, o «Dia da Memória», uma lembrança do Holocausto das vítimas do Nazismo.

 

«A memória desta grande tragédia, que atingiu duramente, sobretudo o povo judeu, deve representar para todos um aviso constante para que não se repitam os horrores do passado e sejam superadas todas as formas de ódio e de racismo e seja promovido o respeito e a dignidade da pessoa humana», disse o Papa.

 

Em seguida o Santo Padre recordou a «60ª Jornada Mundial» dos doentes de hanseníase (lepra), também celebrada no domingo. O Santo Padre exprimiu sua proximidade «às pessoas que sofrem deste mal» e encorajou «os pesquisadores, os agentes de saúde e os voluntários e, em particular, a todos que fazem parte das organizações católicas e da Associação Amigos de Raoul Follereau», invocando sobre todos a intercessão espiritual de São Damião de Veuster e de Santa Mariana Cope, «que deram a vida pelos doentes de Hansen».

 

Bento XVI recordou ainda a celebração de «um dia especial de intercessão pela paz na Terra Santa», agradecendo a todos que promovem esta iniciativa em muitas partes do mundo.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados