Página Inicial







Darfur: Mais de cem mortos desde o início do ano
22 de Janeiro de 2013

Confrontos entre tribos rivais pelo controlo de minas de ouro no Norte do Darfur causaram mais de 100 mortos e 70 mil deslocados desde o início de janeiro.

 

De acordo com as «Nações Unidas», várias aldeias foram incendiadas durante os confrontos, com os mais violentos a ocorrerem entre os dias cinco e nove do corrente mês.

 

«Mais de cem pessoas foram mortas e cerca de 70 mil tiveram de sair das suas casas na região das minas de ouro de Jebel Amir, no norte do Sudão», disse o porta-voz adjunto da ONU, Eduardo Del Buey.

 

«Os confrontos entre as tribos Beni Hussein e Aballa pelo controlo das minas de ouro acalmaram, mas a situação na região permanece tensa», acrescentou.

 

Segundo a ONU, a guerra civil no Darfur já causou, desde 2003, mais de 300 mil mortos e mais de um milhão de deslocados, números estes que o regime de Cartum contesta.

 

Apesar de a violência ter diminuído, os combates entre rebeldes e forças governamentais, as querelas tribais e o banditismo continuam a afetar a região.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados