Página Inicial







Vaticano: Papa apoia luta contra a SIDA
28 de Novembro de 2012

Bento XVI associou-se hoje, 28 de Novembro, à celebração do dia internacional de luta contra a SIDA, que a ONU promove anualmente a 1 de dezembro, pedindo um maior empenho para travar a transmissão da doença nas crianças.

 

«Em particular, o meu pensamento vai para o grande número de crianças que todos os anos contraem o vírus das próprias mães, apesar de haver tratamentos para o impedir», disse, num apelo deixado na audiência pública semanal que decorreu no Vaticano.

 

O Papa acentuou que os habitantes das regiões mais pobres do mundo passam por dificuldades acrescidas pela «grande dificuldade» em acederem a «fármacos eficazes».

 

Bento XVI deixou votos de que esta jornada internacional sirva para «chamar a atenção sobre uma doença que causou milhões de mortes e trágicos sofrimentos humanos».

 

«Encorajo as numerosas iniciativas que são promovidas no âmbito da missão eclesial, para debelar este flagelo», concluiu.

 

Em 2004, a Santa Sé apresentou a Fundação ‘O Bom Samaritano’, uma espécie de fundo global da Igreja Católica que tem como objetivo ajudar economicamente os doentes mais necessitados, de modo particular os contagiados pelo HIV.

 

Dados do ONUSIDA mostram que mais de 25 por cento de todas as instituições ligadas ao tratamento dos doentes de SIDA estão ligados à Igreja Católica, sobretudo nos países mais pobres.

 

Com informações da «Agência Ecclesia».



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados