Página Inicial







Vaticano: A guerra imposta às crianças
7 de Dezembro de 2012

O jornal Vaticano «L’Osservatore Romano» publicou hoje, 7 de Dezembro, uma nota que fala sobre o recrutamento de menores para conflitos armados em todo o mundo.

 

O texto menciona que «consolida-se a frente dos países comprometidos contra o recrutamento das crianças-soldado, mas o fenómeno mantém proporções dramáticas e inaceitáveis», como «o recrutamento forçado de menores praticado nas últimas semanas pelos rebeldes congoleses no Norte do Kivu».

 

De acordo com o jornal, «não obstante os esforços feitos por diversos países, ainda existem dezenas de milhares de crianças envolvidas em situações de guerra no mundo inteiro».

 

A publicação cita ainda as recentes adesões dos Governos da Bolívia, Comores, Guiné-bissau, Yemen e Kuwait aos chamados Compromissos de Paris, relativos às crianças associadas com forças e grupos armados, o que aumentou o grupo de subscritores para 105 países.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados