Página Inicial







Vaticano: Papa alerta para o “escândalo” da fome
20 de Junho de 2013

O Papa Francisco alertou nesta quinta-feira, 20 de Junho, no Vaticano, para o «escândalo» da fome e pediu que a comunidade internacional deixe de usar a crise económica como desculpa para diminuir a ajuda aos mais pobres.

 

«É bem sabido que a produção atual é suficiente e, no entanto, há milhões de pessoas que sofrem e morrem de fome: isto constitui um verdadeiro escândalo», disse, ao receber em audiência os participantes da 38ª sessão da organização das Nações Unidas para a Alimentação e Agricultura (FAO), que decorre em Roma até sábado.

 

Para o Papa, é necessário encontrar formas de evitar que «aumenta a diferença» entre quem tem mais e os que têm de conformar-se com “migalhas”, respondendo a uma «exigência de justiça, equidade e respeito por todo o ser humano».

 

Francisco deixou votos de que se promova com mais «vigor» uma ação internacional em favor dos pobres que coloque de lado a «desculpa da atual crise global».

 

«A pessoa e a dignidade humanas correm o perigo de transformarem numa abstração perante questões como o uso da força, a guerra, a subnutrição, a marginalização, a violação das liberdades fundamentais ou a especulação financeira», advertiu.

 

O Papa lamentou que essa especulação condicione o preço dos alimentos, tratando-os como outra qualquer «mercadoria» e «esquecendo o seu destino primário».

 

Com informações da «Agência Ecclesia».



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados