Página Inicial







Sudão do Sul: Aumenta número de deslocados
7 de Janeiro de 2014

O Escritório das Nações Unidas de Assistência Humanitária (Ocha) alerta que chegou a 189 mil o número de deslocados internos por causa da violência no Sudão do Sul. Segundo a ONU, o número representa um aumento de 5 por cento em 72 horas.

 

O Ocha disse que desde 15 de dezembro, quando começaram os confrontos étnicos no país, 62 mil pessoas procuraram abrigo nas bases da ONU.

 

Mais de 22 mil sul-sudaneses fugiram para países vizinhos. A maioria foi para Uganda, seguida da Etiópia, do Sudão e do Quénia.

 

Segundo agências internacionais, os confrontos no Sudão do Sul, começaram no mês passado quando o governo do presidente Salva Kiir informou que soldados leais ao ex-vice-presidente Riek Machar, demitido em julho, tentaram um golpe de Estado.

 

Em Adis Abeba, capital etíope, as negociações de cessar-fogo continuam, desde 3 de janeiro, com o objetivo de encontrar uma solução para a crise.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados