Página Inicial







Brasil: A Igreja no Brasil não pode perder a Amazónia
31 de Outubro de 2013

Termina nesta quinta-feira, 31 de Outubro, o «Primeiro Encontro da Igreja Católica na Amazónia Legal». Na missa de encerramento, Dom Cláudio Hummes, Presidente da Comissão Episcopal para a Amazónia, falou sobre o papel da Igreja junto ao povo para reivindicar seu direito de voz.

 

Referindo-se aos grandes projetos do Governo que agridem o meio ambiente sem que as populações locais sejam ouvidas, Dom Cláudio lançou o desafio: «Como fazer de Jesus Cristo uma notícia que transforme o coração e as mentes daqueles que impõem estes projetos?». A resposta, indicou, está no novo tempo de luz e graça para a Igreja que chegou com o Papa Francisco.

 

Partindo do desejo do Papa de uma Igreja pobre para os pobres, que abata os muros e chegue às pessoas, o cardeal frisou o significado do verbo «ir»: «É preciso abrir as portas, como faz Jesus, que bate à porta para entrar em nossas vidas e fazer a Ceia conosco. Não há fé sem caridade», clamou, concluindo: «O Papa tem um grande amor pela Amazónia e por vocês!».

 

A frase do dia entre os participantes foi esta: «A Igreja no Brasil não pode perder a Amazónia».



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados