Página Inicial







América Latina: Diálogos sobre a vida e a mineração
16 de Dezembro de 2013

Carta aberta de Religiosas, Religiosos, Leigos e Leigas cuidadores dos bens da Criação em América Latina.

 

Em carta aberta divulgada após um encontro no Peru, religiosas, religiosos, leigos e leigas de América Latina se dizem interpelados pela grave situação dos povos frente à indústria extrativa, impactados dia após dia pela destruição da Criação, pela exploração indiscriminada dos Bens Comuns, pela repressão e exclusão que geram conflitos sociais, afetam os Direitos Humanos e destroem ecossistemas vitais.

 

Entre os objetivos dos signatários está a elaboração de estratégias de resposta a essa complexa realidade, à luz do Evangelho.

 

No Peru, país latino-americano com os melhores indicadores de desenvolvimento económico, a Defensoria del Pueblo evidenciou que a mineração é a maior fonte de conflitos sociais.

 

«Em todos os nossos países, o extrativismo é uma fonte de constantes e graves conflitos», lê-se no documento.

 

Ao longo dos últimos anos, o Conselho Episcopal Latino-Americano (CELAM), várias dioceses e conferências de bispos católicos, bem como o Conselho Latino-Americano de Igrejas (CLAI), aprofundaram e debateram os conflitos provocados pelos grandes projetos de mineração e energia em nossos Países.

 

As comunidades cristãs, em muitos casos, foram protagonistas da resistência a esses projetos, em defesa de direitos e tradições locais e em busca de alternativas a esse modelo desenvolvimentista e espoliador, com raízes coloniais.

 

As organizações cristãs de base sentiram a necessidade de relançar a articulação entre elas e dentro da igreja institucional, em espírito ecuménico.

 

O contexto é extremamente desafiador: os pastores e líderes cristãos que defendem as comunidades, o meio ambiente e os trabalhadores frente aos impactos da mineração são cada vez mais criminalizados e perseguidos, se encontram isolados e em vários casos pouco apoiados pelas instituições das igrejas ou congregações às quais pertencem. Várias catequistas, irmãs, padres ou pastores foram mortos, ameaçados ou afastados das comunidades junto às quais viviam e lutavam. As populações tradicionais são as mais impactadas pelos grandes projetos extrativos. Muitas doenças são adquiridas; seus territórios tradicionais são devastados, suas culturas e espiritualidades ameaçadas.

 

Preocupam-nos os ataques aos direitos indígenas arduamente conquistados, nas últimas décadas, diante das pressões das empresas mineradoras. As populações nativas não são respeitadas em seu direito de veto à construção de grandes hidroeléctricas e à exploração mineral nos territórios que pertenceram aos seus ancestrais.

 

Frente a esse preocupante cenário, há uma necessidade extrema de compor laços de aliança entre quem assumiu a missão cristã de cuidar da Criação, fortalecendo inclusive o diálogo com a hierarquia de nossas igrejas.

 

Queremos voltar a nos encontrar no Brasil, no final de 2014, para afirmar estes e novos compromissos, com um grupo maior e mais articulado, para que nossos povos sintam a proximidade das igrejas e para que tudo, neles, tenha vida em abundância.

 

Lima, 4-5 de novembro de 2013

 

Ofelia Vargas – Peru – Grufides

Pablo Sanchez - Peru – Grufides

Juan Goicochea - Peru – Missionários Combonianos

René Flores – Honduras - Frades Menores Franciscanos

César Espinoza – Honduras – Missionários Claretianos

Donald Hernandes – Honduras – CEPRODEH

Filomeno Ceja – Guatemala – Missionários Combonianos

Juan de La Cruz -  Ecuador – Salesianos

Dário Bossi – Brasil – Missionários Combonianos

Danilo Chammas – Brasil – Justiça nos Trilhos

Rodrigo Peret – Brasil - Frades Menores Franciscanos

Gilberto Pauwels – Bolívia - Oblatos de Maria Imaculada

Adriel Ruiz – Colômbia – Sacerdote Diocesano

Cesar Correa – Chile – Missionários Columbanos

César Padilla – Chile – OCMAL

Ana Maria Siufi - Argentina - Hermana de la Misericordia de las Américas

Fábio Ferreira – Roma - Frades Menores Franciscanos

Jean Paul Pezzi - EUA - Missionários Combonianos

Seamus Finn – EUA – Oblatos de Maria Imaculada

Amanda Lyons –EUA - Franciscans International

Aine O'Connor – EUA - Sisters of Mercy, Mercy International Association at the UN

Zélia Cordeiro - EUA - VIVAT Internacional

 

Carta Aberta

Português: Diálogos igrejas e mineração

 

Espanhol: Dialogos iglesias y mineria

 

Inglês: Dialogue on Life and Mining

 

Para contatos e maiores informações: iglesiaymineria@gmail.com



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados