Página Inicial







Líbano: Papa vai ao país como peregrino da paz
14 de Setembro de 2012

Bento XVI iniciou na manhã desta sexta-feira, 14 de Setembro, a sua viagem ao Líbano. Em telegrama dirigido ao presidente da Itália, Giorgio Napolitano, disse que parte como «peregrino de paz e de unidade».

 

O Santo Padre destaca ainda a entrega da exortação apostólica pós-sinodal como uma ajuda para os cristãos do Médio Oriente, que convida a serem «testemunhas de comunhão e de esperança».

 

A viagem do Papa estende-se até domingo e de acordo com a Santa Sé vai «confirmar a necessidade desta vocação particular do Líbano, para o Oriente e para o Ocidente, insistindo no facto de que nada pode fazer renunciar aos valores humanos, históricos, morais e religiosos».

 

Beirute, Harissa, Baabda, Bzommar, Bkerké e Charfet são as localidades que vão acolher o Papa e os seus encontros com responsáveis políticos, religiosos e a comunidade católica libanesa. A viagem vai incluir dois momentos (assinatura e entrega) ligados à promulgação da exortação apostólica pós-sinodal para o Médio Oriente.

 

O Líbano conta com cerca de quatro milhões de habitantes, sendo que 53,18 por cento são católicos (cerca de 2,1 milhões de pessoas).



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados