Página Inicial







Brasil: Qualidade de vida das crianças melhorou
19 de Julho de 2012

O Brasil acompanhou a tendência de outros 126 países ao melhorar, na última década, seu «Índice de Desenvolvimento Infantil» (CDI, na sigla em inglês) - indicador medido pela ONG internacional «Save the Children», com sede em Londres.

 

A pesquisa leva em consideração uma série de fatores agrupados sob três áreas principais: saúde, educação e nutrição.

 

Entre os cinco primeiros colocados no ranking estão Japão, Espanha, Alemanha, Itália e França, e os cinco últimos são República Democrática do Congo, Burkina Faso, Chade, Níger e Somália - todos eles países africanos.

 

O Brasil ficou atrás de países como Argentina, México, Chile, Cuba, e a grande maioria dos países europeus. Mas, à frente de nações como Paraguai, Bolívia, Irão, Emirados Árabes Unidos e muitos africanos.

 

O estudo apurou que 127 países melhoraram seus índices e que entre 2005 e 2010, cerca de 9.000 crianças foram poupadas da morte antes dos cinco anos, em comparação à cifra de 1995 a 1999.

 

Comparando os mesmos períodos, 50 milhões de crianças a mais estão na escola primária e o mundo já tem 36 milhões de crianças abaixo do peso a menos.

 

Na África, embora o continente ainda seja o responsável pelas piores posições no ranking, a tendência de avanço já é percebida.

 

«Na África, uma das regiões com a performance mais fraca no bem-estar infantil, o progresso individual de alguns países apresenta um retrato fragmentado. Enquanto cinco dos 11 países que registraram os principais progressos estão na África, seis dos dez países no final do ranking também estão no continente», diz o estudo.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados