Página Inicial







Filipinas: Menino vence prémio internacional da paz para crianças
20 de Setembro de 2012

O filipino Cris Valdez, de 13 anos, ganhou o «Prémio Internacional da Paz para as Crianças» pelos seus esforços extraordinários na defesa dos direitos das crianças.

 

Kesz, como é mais conhecido, foi nomeado pelo seu empenho em melhorar a situação das crianças de rua nas Filipinas, onde mais de 246 mil crianças são vítimas de violência, abuso e trabalho infantil. Ele próprio foi severamente abusado e forçado a trabalhar no depósito de lixo desde os dois anos de idade. Três anos mais tarde, Kesz sofreu queimaduras no braço e nas costas, o que o obrigou a fugir e procurar ajuda. Ele transformou suas próprias experiências em um esforço para ajudar outras crianças de rua e inspirá-los a mudar suas próprias vidas.

 

Kesz recebeu o prémio pelas mãos Arcebispo Desmond Tutu, vencedor do Nobel da Paz em 1984. Durante a cerimónia, Kesz deixou uma mensagem para todas as crianças do mundo: «a nossa saúde é a nossa riqueza!»

 

«Ser saudável lhe permitirá jogar, pensar claramente, se levantar e ir para a escola e amar as pessoas ao seu redor, de muitas formas. Para todos no mundo, lembre-se que a cada dia, 6.000 crianças morrem de doenças relacionadas à falta de saneamento, falta de higiene, e nós podemos fazer algo sobre isso! Por favor, ajudem-me a ajudar as crianças de rua para que elas tenham mais saúde e uma vida melhor», concluiu.

 

Cris Valdez sonha em ser médico e realiza seu trabalho através da sua organização não governamental «Championing Community Children» (Comunidade de Apoio às Crianças), que coleta fundos para distribuir brinquedos e roupas às crianças carentes da cidade de Cavite, situada 30 km ao sul de Manila.

 

Como ganhador do prémio, o garoto filipino receberá a quantia de 100 mil euros.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados