Página Inicial







Brasil: A participação da Igreja na Rio +20
18 de Junho de 2012

O Observador Permanente da Santa Sé nas Nações Unidas, Dom Francis Chullikatt, chegou ao Rio de Janeiro para participar da RIO+20 (Conferência das Nações Unidas sobre Desenvolvimento Sustentável), que se realizada de 20 a 22 de junho.

 

O objetivo da Conferência é a renovação do compromisso político com o desenvolvimento sustentável.

 

A missão do representante do Vaticano é «destacar a pessoa humana e os problemas ecológico-sociais dos países mais pobres». Em declarações, Dom Francis salientou três aspectos do desenvolvimento sustentável: a sustentabilidade económica, social e ambiental.

 

«A Igreja é muito importante no desenvolvimento destes três aspectos. Relacionado ao aspecto económico, sabemos que a Igreja Católica sempre se preocupa com os países pobres, por exemplo. Quando falamos do social, sabemos que a Igreja é totalmente envolvida no crescimento da situação social do mundo. O terceiro aspecto, o ecológico, pode-se destacar, aqui no Brasil, a preocupação com a proteção da Amazónia. Nós cuidamos da natureza, porque nós católicos acreditamos na preservação», disse.

 

«Viemos mostrar especialmente aqueles que não têm voz, especialmente o povo dos países pobres. Defendemos a humanidade e as pessoas que têm a vida violentada pelo mundo. Temos que ter essa preocupação para a vida humana ser preservada», acrescentou Dom Chullikatt.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados