Página Inicial







Vaticano: Missões Africanas e os novos desafios de evangelização
11 de Abril de 2013

«A vossa Sociedade traçou um sulco profundo, do qual hoje conseguimos ver os frutos que o Espírito Santo suscitou e a generosa contribuição dos Santos co-irmãos», disse o Card. Fernando Filoni, Prefeito da Congregação para a Evangelização dos Povos, na homilia por ocasião da XX Assembleia Geral da Sociedade das Missões Africanas - 9 de abril de 2013.

 

«Passaram-se cerca de 157 anos desde que (1859) Mons. Melchior de Marion Brésillac deu vida a seu projeto de criar um Instituto Missionário para a evangelização da África», recordou o Cardeal, que destacou que «a vossa Sociedade nos primeiros 65 anos na África ocidental perdeu cerca de 400 membros entre Sacerdotes e Freiras».

 

Por isso, há mais de 50 anos do Concílio e há 157 da fundação da SMA, está em andamento um aprofundamento do empenho de evangelização conduzido pela Igreja na África, também à luz da Exortação apostólica Africae Munus pós-sinodal sobre a Igreja na África, do Papa Bento XVI.

 

«Certamente, o estudo da “Africae Munus” será muito significativo para colher todos os desafios deste amado e conturbado Continente muito especial a vós, mas não menos à nossa Congregação de Propaganda Fide; basta dizer que no ano passado realizei sete viagens à África!», destacou o Cardeal Filoni, que depois indicou algumas temáticas sobre as quais se necessita uma séria reflexão e confronto.

 

Depois de evocar a Liturgia da Palavra do dia, o Cardeal Filoni concluiu com os votos de que «Jesus Ressuscitado vos dê a Sua paz e a Sua alegria, e Maria vos assista em vista do vosso renovado empenho missionário. Obrigado por vosso serviço às Missões e Deus vos recompense».



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados