Página Inicial







R. Centro-Africana: Missionários mantêm-se firmes
28 de Março de 2013

Comunicado do Concelho Geral dos Missionários Combonianos referente à situação da República Centro-Africana (25 de Março de 2013).

 

Prezados Confrades,

Como certamente vocês já sabem, nestes dias a situação na Republica Centro-Africana se agravou muito. Segundo as notícias mais recentes, divulgadas pelos jornais internacionais e confirmadas pelos nossos na capital, os rebeldes da Aliança “Seleka” se apoderaram de vários centros de controlo de Bangui.

O presidente Bozizé deixou a Capital e foi dado o anúncio do nome do novo presidente. De momento estão sendo saqueadas várias casas de comércio, casas privadas, instituições na capital, repetindo o já acontecido nas várias localidades tomadas pelos rebeldes nas últimas semanas.

 

Desde o início das hostilidades estamos observando a evolução da situação em contato com o Provincial, e intensificando as comunicações desde quando dois dos centros onde se encontram comunidades Combonianas (Dékoa e Grimari) caíram nas mãos dos rebeldes.

 

Pusemo-nos de acordo que não houvesse excessivo perigo para os nossos confrades e demos imediatamente a eles a liberdade de escolher se permanecer com o povo a eles confiado ou então avaliar a oportunidade de uma saída. Todos escolheram de permanecer onde estão.

 

Oferecemos também uma ajuda imediata à província para organizar alguma expedição de material e ajuda humanitária para aliviar o sofrimento do povo que perdeu todos os bens por causa dos saques que aconteceram em Dékoa e agradecemos a Província por se mobilizar na organização destas ajudas imediatas. Estamos disponíveis para outras ajudas, caso sejam necessárias e a situação assim o permita. Se preciso for, buscaremos redes de ajuda para isso.

 

As notícias mais recentes nos confirmam que nenhum dos nossos confrades até agora sofreu algum ato de violência, mesmo se em alguns casos perderam os carros e outros been pertencentes às missões. Todos estão bem e estão vivendo com muita fé e coragem este momento de prova, sentindo-se motivados e ajudando-se uns aos outros na convivência com o povo que sustenta a prova da sua fé. Recebemos notícias análogas das nossas irmãs Combonianas a trabalhar no país assim como dos LMC.

 

Oremos por todos eles, especialmente nesta Semana da paixão de nosso Senhor, unindo a seus sofrimentos os do povo e da Igreja da Republica Centro-Africana.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados