Página Inicial







Vaticano: Nem só de pão vive o homem, mas de toda a palavra de Deus
31 de Janeiro de 2018

Na audiência geral desta quarta-feira, 31 de janeiro, o Papa Francisco deu continuidade a série de catequeses sobre a Santa Missa e falou sobre a Liturgia da Palavra: “Precisamos de a escutar regularmente; é questão de vida ou de morte, pois «nem só de pão vive o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus»”.

 

A Liturgia da Palavra, segundo Francisco, “é como uma mesa que o Senhor prepara para alimentar a nossa vida espiritual”.

 

“Como poderíamos suportar as fadigas e provações da nossa peregrinação terrena, sem o alimento e a luz que se recebe da Palavra de Deus? Precisamos de a escutar regularmente; é questão de vida ou de morte, pois «nem só de pão vive o homem, mas de toda a palavra que sai da boca de Deus». E nós reunimo-nos, na Liturgia, precisamente para ouvir o que Deus fez e pretende fazer por nós: Deus fala, e nós ouvimos com atenção para depois pormos em prática aquilo que Ele nos disse”, explicou o Santo Padre.

 

“É uma experiência que não se limita a ouvir dizer, mas acontece «diretamente», porque, quando na Igreja se lê a Sagrada Escritura, é o próprio Deus que fala ao seu povo. Na Liturgia da Palavra, as páginas da Bíblia deixam de ser um escrito para se tornarem palavra viva pronunciada pelo próprio Deus, que, aqui e agora, nos interpela a nós que escutamos com fé”, acrescentou.

 

“Por isso, não basta escutar com os ouvidos; é preciso acolher no coração a semente da palavra divina, para que ela dê fruto. A ação do Espírito que torna eficaz a resposta, precisa de corações que se deixem trabalhar e cultivar para que a palavra divina escutada na Missa passe para a vida diária”, concluiu.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados