Página Inicial







Mundo: Dia de Oração e Reflexão contra o Tráfico de Pessoas
8 de Fevereiro de 2018

Assinala-se esta quinta-feira, 8 de fevereiro, memória litúrgica de santa Josefina Bakhita, o «Dia Mundial de Oração e Reflexão Contra o Tráfico de Seres Humanos».

 

Todos os anos, mais de 40 milhões de pessoas - incluindo um número crescente de mulheres e crianças - são vítimas de graves formas de exploração, especialmente a prostituição e o trabalho forçado.

 

“Migração sem tráfico de pessoas. Sim à liberdade. Não à escravidão” é o tema de inspiração para as celebrações em 2018.

 

Durante a audiência geral desta semana, o Papa Francisco disse o seguinte sobre a situação do tráfico de pessoas: “Diante das poucas possibilidades de canais regulares muitos migrantes decidem aventurar-se por outras vias, onde com frequência os aguardam abusos de todo tipo, exploração e escravidão. As organizações criminosas, que se dedicam ao tráfico de pessoas, usam essas rotas migratórias para esconder as próprias vítimas entre os migrantes e os refugiados.

 

Nesse sentido, o Santo Padre deixou um apelo: “Convido todos, cidadãos e instituições, a unir as forças para prevenir o tráfico e garantir proteção e assistência às vítimas. Rezemos para que o Senhor converta o coração dos traficantes e dê esperança de reconquistar a liberdade a quem sofre por esta chaga vergonhosa.”

 

Santa Josefina Bakhita foi uma freira sudanesa, que, quando criança, teve a experiência traumática de ser vítima de tráfico de seres humanos. Em sua lembrança, as Uniões dos Superiores e Superiores Gerais dos Institutos Religiosos criaram o «Dia da Oração e Reflexão contra o Tráfico de Seres Humanos».



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados