Página Inicial







Vaticano: Alerta sobre situações de trabalho indignas dos pescadores
9 de Julho de 2018

O Papa Francisco lançou um alerta sobre as situações de trabalho indignas que vivem os pescadores. No domingo, 8 de julho, assinalou-se o «Domingo do Mar», dedicado aos marítimos e aos pescadores.

 

“Rezo por eles e por suas famílias, assim como pelos capelães e os voluntários do Apostolado do Mar. Dirijo uma saudação especial àqueles que vivem no mar situações indignas de trabalho; e também aos que se empenham em libertar o mar da poluição”, disse o Santo Padre.

 

O Vaticano divulgou também uma mensagem por ocasião desta data, onde indica que 1,2 milhões de marinheiros de todo o mundo e de várias religiões, são “forçados a viver vários meses no espaço restrito de um navio, separados das suas famílias e seus entes queridos”.

 

Além da impossibilidade de desembarcar dos navios, a nota refere a “violência” no mar, a “pirataria”, o “abandono de navios e tripulantes” e a “poluição ambiental”.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados