Página Inicial







Portugal: Caminhada pela Vida
25 de Outubro de 2017

As cidades de Aveiro, Lisboa e Porto vão acolher a edição deste ano da «Caminhada pela Vida», organizada pela Federação Portuguesa pela Vida (FPV), evocando problemáticas como o aborto e a eutanásia.

 

O tema da Caminhada deste ano será "Sempre Pela Vida". Com especial enfoque no tema da eutanásia, repetimos o tema do ano passado. A discussão sobre a legalização da morte a pedido torna urgente reafirmar publicamente que a vida tem sempre valor e dignidade.

 

A presidente da FPV sublinhou em entrevista à Agência Ecclesia a intenção de reforçar a “dignidade da vida humana” desde o seu “início ao fim”, num tempo em que ela “está em perigo”.

 

“Ao saírem à rua, as pessoas vão dizer que é preciso afirmar o valor da vida humana, e qualquer das problemáticas que teremos presente, não só o aborto ou a eutanásia mas todo um conjunto de fragilidades, são comportamentos de ataque à vida humana”, sustentou Isilda Pegado.

 

De acordo com aquela responsável, a próxima Marcha pela Vida pretende enviar também uma mensagem clara a “quem tem o poder” e “está a impor este tipo de comportamentos”, para que “tenha uma reflexão e pense nas consequências que estes comportamentos civilizacionais podem ter”.

 

Fazemos a Caminhada pela Vida porque queremos testemunhar que toda a Vida Humana tem valor e que a família é um bem para cada um de nós e para toda a sociedade.

 

Queremos afirmar publicamente que as leis que atacam a vida, longe de serem solução para qualquer problema, criam apenas mais injustiça, mais violência e mais dor.

 

A Caminhada pela Vida teve origem nas campanhas para os referendos sobre o aborto de 1998 e 2007 e foi retomada de modo anual a partir de 2012.

 

A Caminhada pela Vida 2017 está marcada para as 15h00 de 4 de novembro, pela primeira vez em várias cidades.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados