Página Inicial







Sudão do Sul: Projeto do Papa financia saúde, educação e agricultura
21 de Julho de 2017

O projeto «O Papa pelo Sudão» começa a ganhar forma com os cerca de 500 mil dólares doados pelo Santo Padre em informação que foi divulgada no jornal L’Osservatore Romano.

 

Parte do valor foi entregue às Missionárias Combonianas, que gerem o Hospital de Nzara, próximo à Yambio, e o Comboni Hospital, em Wau.

 

O dinheiro também financiará o «Solidarity with Sud Sudan», iniciativa de colaboração eclesial que promove uma ligação de solidariedade entre 200 Congregações religiosas – pertencentes à União dos Superiores Gerais e à União internacional das Superioras Gerais – e a Igreja do país, sob a direção da Conferência Episcopal.

 

Outra parte do montante sustentará um projeto da Cáritas para a aquisição de sementes e equipamentos destinados a mais de duas mil famílias que vivem em Tombura-Yambio, Yei, Torit, Malakal e Djouba.

 

Parte do dinheiro doado pelo Papa foi confiada ao «Solidarity Teacher Training College», de Yambio, onde 124 estudantes de várias tribos do Sudão do Sul e das montanhas de Nuba vivem e estudam juntos para se tornarem professores de escola primária.

 

“Trata-se de um gesto significativo e sobretudo encorajador por parte do Papa Francisco”, sublinhou o lassalista Bill Firman, Diretor Executivo do «Solidarity with Sud Sudan», que administra o colégio.

 

Os bispos sul sudaneses agradeceram a ajuda concreta e evidenciaram a contribuição espiritual e pastoral do Papa para o renascimento do Sudão do Sul.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados