Página Inicial







RD Congo: Casas queimadas e 890 mortos em dezembro
18 de Janeiro de 2019

O Escritório de Direitos Humanos das Nações Unidas recebeu informações de que pelo menos 890 pessoas foram mortas entre os dias 16 e 18 de dezembro de 2018 em quatro aldeias na República Democrática do Congo (RDC).

 

As mortes terão acontecido no território Yumbi, na província de Mai-Ndombe, alegadamente, na sequência de confrontos entre as comunidades Banunu e Batende.

 

Para além dos mortos, 82 pessoas terão ficado feridas e 465 casas e edifícios foram incendiados, saqueados ou destruídos, incluindo duas escolas primárias, um centro de saúde, um posto de saúde, um mercado e o escritório da Comissão Nacional Independente Eleitoral (Ceni). A maior parte da população das aldeias afetadas foi deslocada e cerca de 16 mil pessoas fugiram da região.

 

Diante dessas informações, ONU e autoridades nacionais lançaram uma investigação sobre esses relatórios.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados