Página Inicial







Mundo: Dez mil hondurenhos na fronteira com o México
22 de Outubro de 2018

A caravana com cerca de dez mil migrantes hondurenhos cruzou a Guatemala e está na fronteira com o México em direção aos Estados Unidos (EUA).

 

Depois de seis dias de viagem, milhares de cidadãos hondurenhos e da América Central, que caminham em direção aos Estados Unidos, cruzaram na sexta-feira a fronteira da Guatemala com o México.

 

À espera estava uma barreira da polícia mexicana que os impediu, ao menos por enquanto, que entrassem no Estado de Chiapas.

 

O Estado mexicano havia anunciado, como El Salvador e Guatemala, que não permitiria que migrantes fugindo de Honduras ficasse a mercê de injustiças, violência e corrupção de um governo que se instalou no poder por meio de fraude eleitoral.

 

Todos os migrantes entrevistados por vários meios de comunicação afirmaram que a pobreza, a corrupção e a violência os fizeram fugir do país. Quando perguntados, eles disseram que estavam dispostos a morrer se necessário, mas que não retornariam a Honduras porque só encontrariam a morte lá.

 

A diocese mexicana de San Cristóbal de las Casas emitiu um comunicado em solidariedade aos migrantes e exigiu dos governos o respeito pelos direitos humanos e a proteção contra o tráfico de pessoas. Da mesma forma, pediram à população que fornecesse toda a assistência possível com roupas, comida e abrigo para os migrantes. Por sua vez, indicaram que ofereciam toda a solidariedade necessária.

 



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados