Página Inicial







Vaticano: Papa lamenta extermínio de pessoas na Síria
6 de Abril de 2017

No final da audiência semanal, o Papa Francisco falou sobre o ataque químico lançado contra a província de Idlib, na Síria e lamentou a “inaceitável carnificina”:

 

“Assistimos aterrorizados aos últimos acontecimentos na Síria. Exprimo a minha firme deploração pela inaceitável carnificina, ocorrida ontem na província de Idlib, onde foram assassinadas dezenas de pessoas inermes, entre as quais tantas crianças. Rezo pelas vítimas e pelos familiares e apelo à consciência dos responsáveis políticos, em nível local e internacional, para que cesse esta tragédia e seja dado alívio àquela população, há tanto tempo extenuada pela guerra. Encorajo também os esforços de quem, apesar da insegurança e do desconforto, trabalha para levar ajuda aos habitantes daquela região”.

 

O Santo Padre também falou sobre o atentado terrorista em São Petersburgo, na Rússia:

“O meu pensamento vai, neste momento, ao grave atentado, nos dias passados, no Metro de São Petersburgo, que provocou vítimas e tristeza entre o povo. Enquanto confio à misericórdia de Deus os que faleceram tragicamente, manifesto a minha proximidade aos seus familiares e a todos os que sofrem por causa deste dramático acontecimento”.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados