Página Inicial







Burquina Faso: Igreja rejeita possibilidade de nomeação de arcebispo para presidente interino
12 de Novembro de 2014

A Conferência Episcopal do Burquina Faso recordou que a possibilidade de um bispo ser escolhido para “presidente interino” do país está vedada pelo Direito Canónico, mas mostrou-se “honrada” pela proposta.

 

Citando os cânones 285 e 287 do Direito Canônico, o Pe. Joseph Kinda, encarregado das Comunicações Sociais da Conferência Episcopal de Burkina Faso e do Níger, afirma que para um clérigo não é possível assumir cargos políticos e sindicais “a menos que, segundo a autoridade eclesiástica competente, a defesa dos direitos da Igreja e a promoção do bem comum o exijam”.

 

“Escolhendo imitar Cristo na opção preferencial pelos pobres, o sacerdote deve evitar criar novas formas de exclusão com uma atitude demasiada partidária. O risco é grande, como demonstrado pela experiência vivida por algumas Igrejas locais. Portanto, além da disposição canônica, a posição do Cardeal é sobretudo pragmática”, conclui Pe. Kinda.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados