Página Inicial







Mundo: Unicef declara um ano devastador para as crianças
11 de Dezembro de 2014

O ano de 2014 foi devastador para milhões de crianças, devido, sobretudo, aos conflitos armados, às várias formas de tortura e à doença do ébola. A UNICEF estima que, actualmente, 230 milhões de crianças vivem em países e áreas afectadas por conflitos armados, em todo o mundo, e refere ainda que, neste ano, surgiram novas e graves ameaças à saúde e ao bem-estar das crianças, especialmente, a epidemia do ébola na Guiné, Libéria e Serra Leoa, que deixou órfãs milhares de crianças e obrigou a quase cinco milhões a abandonarem a escola.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados