Página Inicial







Vaticano: Mensagem do Papa para o Bicentenário de Dom Bosco
17 de Julho de 2015

Foi por ocasião do Bicentenário do Nascimento de D. Bosco que o Papa Francisco enviou ao Reitor-Mor dos salesianos, o Padre Ángel Fernández Artime, uma carta em que dá graças a Deus pelo dom do Santo dos Jovens evocando “os aspetos essenciais da herança espiritual e pastoral de D. Bosco” e exortando a vivê-los com coragem.

 

“Como D. Bosco, com os jovens e para os jovens” é o título da carta, em que o Papa Francisco recorda a alegria que sentiu ao encontrar a Família Salesiana reunida em Turim em junho passado, na Basílica de Santa Maria Auxiliadora, onde repousam os restos mortais do Fundador.

 

No texto, o Papa ressalta que o mundo mudou muito nestes dois séculos, mas não a alma dos jovens: “Ainda hoje, eles estão abertos à vida e ao encontro com Deus e com os outros, mas existem muitos deles que correm o risco do desencorajamento, da anemia espiritual, da marginalização” – escreve o Santo Padre.

 

O Papa afirma ainda que D. Bosco ensina-nos a oferecer aos jovens uma experiência educativa integral, com uma característica especial: o afeto. O Papa diz também que não pode haver uma pastoral juvenil eficaz sem uma válida pastoral familiar.

 

Na carta, o Santo Padre indica à família salesiana duas tarefas: primeiro educar, segundo a antropologia cristã, a linguagem dos novos meios de comunicação e das redes sociais, que plasmam profundamente os códigos culturais dos jovens, e, portanto, a visão da realidade humano-religiosa. Em segundo lugar, promover formas de voluntariado social, ensinando a dignidade da pessoa e o valor do trabalho, não se resignando às ideologias do mercado e da produção.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados