Página Inicial







Vaticano: Paz para a Ucrânia e peditório para as vítimas
4 de Abril de 2016

Na oração do Regina Coeli, no final da Eucaristia do domingo da Divina Misericórdia, 3 de abril, o Papa recordou as populações que têm sede de “reconciliação e de paz”. Em particular, o Santo Padre lembrou “o drama de quem sofre as consequências da violência na Ucrânia”.

 

Recordando, especialmente, os idosos e as crianças, o Santo Padre afirmou serem mais de um milhão os refugiados do conflito na Ucrânia e milhares os mortos.

 

Para além de os acompanhar com a sua oração o Papa Francisco decidiu que seja feito no domingo 24 de abril um peditório em todas as igrejas católicas da Europa para “exprimir a proximidade e a solidariedade” do Santo Padre e de toda a Igreja para com a Ucrânia.

 

No Regina Coeli o Papa Francisco referiu também o Dia Mundial contra as minas antipessoais e renovou o seu apelo para um mundo sem minas recordando os corajosos homens e mulheres que “arriscam a vida” para sanear os terrenos minados.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados