Página Inicial







Nigéria: Ataque terrorista pode ter matado mais de 80 pessoas
30 de Dezembro de 2015

Pelo menos 80 pessoas terão morrido em diferentes ataques cometidos pelo Boko Haram no norte da Nigéria, informa a agência Fides. O número exato de mortos ainda não foi confirmado, mas outras fontes de informação apontam para mais de 50 pessoas assassinadas em dois dias de ataques.

 

Na segunda-feira, 27 de dezembro, duas suicidas detonaram explosivos num mercado no Estado de Adamawa, no nordeste da Nigéria. As autoridades locais mencionaram pelo menos 30 mortos.

 

No entanto, o grupo armado lançou uma série de ataques e de atentados suicidas na cidade de Maiduguri, em Borno, matando outras 22 pessoas.

 

“Um número consistente de pessoas foi morto, mas não sabemos ainda o número exato”, disse Dom Oliver Dashe Doeme, Bispo de Maiduguri, capital do Estado de Borno. Segundo fontes de agências, os mortos durante os vários ataques simultâneos ocorridos em Maiduguri e na cidadezinha de Madagali são pelo menos 80.

 

No entanto, como explica D. Oliver Doeme, este grupo fundamentalista “não faz distinção entre muçulmanos e não muçulmanos” no que toca à imposição da sua ideologia.

 

“A maior parte da população quer viver em paz. Eles matam quem não adere à sua causa, que proíbe em particular a educação ocidental. Os muçulmanos que não se submetem são considerados inimigos do Boko Haram”, salienta o prelado.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados