Página Inicial







Vaticano: Rezar pelos doentes e fazê-los sentir o nosso amor
10 de Fevereiro de 2016

No final da audiência geral desta quarta-feira, dia 10 de fevereiro, véspera do Dia Mundial do Doente, o Papa Francisco pediu a oração dos fiéis pelas pessoas enfermas:

 

“Amanhã, memória de Nossa Senhora de Lourdes, tem lugar o XXIV Dia Mundial do Doente, que tem a sua celebração culminante em Nazaré. Na mensagem deste ano refletimos sobre o papel insubstituível de Maria nas Bodas de Caná: “Fazei o que Ele vos disser (Jo 2, 5). Na solicitude de Maria espelha a ternura de Deus e a imensa bondade de Jesus Misericordioso. Convido a rezar pelos doentes e a fazê-los sentir o nosso amor. A mesma ternura de Maria esteja presente na vida de tantas pessoas que se encontram ao lado dos doentes sabendo colher as suas necessidades, mesmo aqueles mais impercetíveis, porque vistos com olhos cheios de amor.”

 

O Papa Francisco pediu também a oração de todos pela sua Viagem Apostólica ao México dos próximos dias 12 a 18 e ainda pelo histórico encontro com o Patriarca Kirill no dia 12 em Cuba.

 

Já o coordenador Nacional da Pastoral da Saúde convidou os portugueses a celebrar o Dia Mundial do Doente, a 11 de fevereiro, com atenção aos desafios deixados pelo Papa, que escolheu como tema «Confiar em Jesus misericordioso».

 

“Transformar a água do quotidiano no vinho novo da festa é o modo de fazer de Jesus. E, se queremos viver com Ele e como Ele sobre a terra, é também a nossa maneira de agir”, escreve o padre José Manuel Pereira de Almeida.

 

Na reflexão para o Dia Mundial do Doente, o sacerdote revela que como em Caná da Galileia, “também aqui Jesus há de manifestar ‘a sua glória’ para que ‘os seus discípulos’ continuem a acreditar”.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados