Página Inicial







Vaticano: Francisco aprova milagre brasileiro e Madre Teresa será santa
18 de Dezembro de 2015

No dia de seu aniversário, 17 de dezembro, o Pontífice aprovou o milagre atribuído à intercessão de Madre Teresa de Calcutá, beatificada por São João Paulo II, em 2003. A data da canonização ainda deverá ser confirmada, mas é possível que seja incluída nas celebrações do Jubileu da Misericórdia.

 

A Congregação para a Causa dos Santos (santa Sé) concluiu em julho deste ano as investigações sobre a cura miraculosa de um homem brasileiro, de 35 anos, afetado por uma grave doença no cérebro, que se curou de uma forma tida como inexplicável.

 

Gonxha Bojaxhiu, a Madre Teresa, nasceu em Skopje (Macedónia) em 1910 em Skopje e morreu em 1997 em Calcutá, na Índia. Madre Teresa recebeu o Prêmio Nobel da Paz em 1979 por sua atuação missionária.

 

Madre Teresa absorveu o estilo de vida bengali e, posteriormente, transmitiu-o às suas religiosas, quando fundou as Missionárias da Caridade.

 

O seu trabalho nas ruas de Calcutá centrou-se nos pobres da cidade que morriam todas as noites, vestida com um sari branco, debruado de azul, a imagem com que o mundo se habituou a vê-la.

 

Rapidamente as Missionárias da Caridade chegaram a milhares de religiosas em 95 países.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados