Página Inicial







Mundo: Acender uma luz contra o tráfico humano
5 de Fevereiro de 2015

No dia 8 de Fevereiro, “acendamos uma luz contra o tráfico humano”. As últimas estimativas publicadas pela Organização Internacional do Trabalho (OIT), em 2014, declaram que, no mundo, existem cerca de 21 milhões de pessoas em situação de tráfico humano. E estima-se que, por ano, são traficadas entre 700 mil e dois milhões de pessoas.

 

Reflectir e rezar contra o tráfico de pessoas humanas: este é o objectivo do primeiro Dia Internacional de Oração e Reflexão contra o Tráfico de Pessoas, marcado para o dia 8 de Fevereiro próximo, sobre o tema: “Acendamos uma luz contra o tráfico humano”. Visite a página da campanha para acender uma luz em seu país.

 

Este Dia – que é comemorado na festa de Santa Josefina Bakhita, uma escrava sudanesa que foi libertada e, mais tarde, fez-se religiosa canossiana, vindo a ser canonizada no ano 2000 – é promovido pelas Uniões Internacionais dos Superiores Maiores femininos e masculinos (UISG e USG), e patrocinado pela Congregação para os Institutos de Vida Consagrada e as Sociedades de Vida Apostólica, pelo Pontifício Conselho para a Pastoral dos Migrantes e Itinerantes e pelo Pontifício Conselho da Justiça e Paz.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados