Página Inicial







Mundo: Combate ao uso de crianças-soldado é tema de dia internacional
12 de Fevereiro de 2015

Esta quinta-feira, 12 de fevereiro, marca o «Dia Internacional Contra o Uso de Crianças-Soldado». O chefe da Missão da ONU na República Democrática do Congo (Monusco), divulgou uma mensagem em referência à data.

 

Martin Kobler condena a utilização de "milhares de menores por grupos armados que estão a atuar no país”. No entanto, o chefe da Monusco saúda o governo congolês pela adoção, em 2012, de um plano de ação contra o recrutamento de crianças para lutar nos conflitos armados.

 

O comunicado destaca que 300 mil meninos e meninas, com menos de 18 anos, estão a atuar como soldados em 30 confrontos pelo mundo. Kobler lembra que lugar de criança é na escola e não no campo de batalha.

 

Recentemente, num outro país africano, o Sudão do Sul, o Fundo da ONU para a Infância (Unicef) celebrou a libertação de 300 crianças que combatiam no conflito.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados