Página Inicial







Sudão do Sul: Um quarto dos sul-sudaneses abandonou suas casas
22 de Dezembro de 2016

Um quarto da população do Sudão do Sul abandonou as suas casas durante a crise que acaba de completar três anos.

 

A Organização Internacional para Migrações (OIM) alerta que o espaço humanitário continua a diminuir. Mais de 1,87 milhão de pessoas deslocados internos e 1,17 milhão fugiram para países vizinhos.

 

De acordo com o novo relatório da OIM, pelo menos 414 mil sul-sudaneses deixaram o Sudão do Sul com o aumento da violência em julho passado.

 

As Nações Unidas estimam ainda que,

 

O relatório da OIM também aponta preocupações com as restrições às ajudas humanitárias. O motivo são restrições burocráticas e bloqueios em postos de controlo. Somente em novembro, ocorreram mais de 90 incidentes de restrição de acesso. Em mais de 70 por cento destes casos verificaram-se atos de violência contra trabalhadores ou bens de auxílio humanitário.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados