Página Inicial







Vaticano: Esperança e oração caminham juntas
19 de Janeiro de 2017

Na audiência geral da quarta-feira, 18 de janeiro, o Papa realizou sua catequese semanal a falar da esperança cristã.

 

Francisco comentou o texto bíblico do Génesis sobre o episódio em que o Senhor envia o profeta Jonas a Nínive para converter os habitantes daquela grande cidade israelita que eram pagãos.

 

“Perante o perigo, todos põem-se a rezar” - disse o Papa. “Levam-nos a descobrir a oração, a esperança de salvação, a esperança no Deus da vida. A esperança torna-se oração”.

 

“Muitas vezes, desdenhamos com facilidade o dirigir-se a Deus como se fosse só uma oração interessada, e por isso imperfeita. Mas Deus conhece a nossa fraqueza, sabe que nos recordamos d’Ele para pedir ajuda, e com o sorriso indulgente de um pai, Deus responde com benevolência”, explicou.

 

Jonas acaba por assumir as suas responsabilidades – destacou o Papa - e atira-se ao mar para salvar os seus companheiros; deste modo a tempestade aplaca-se. “A morte iminente que levou os pagãos à oração, fê-lo descobrir a sua vocação ao serviço dos outros, aceitando sacrificar-se por eles, e leva os sobreviventes a reconhecer o verdadeiro Deus; o único Senhor do céu e da terra”, afirmou.

 

A partir daí, os habitantes de Nínive, perante as ameaças de serem destruídos, rezam sempre, levados pela esperança no perdão de Deus. E acabam por se converter todos, a começar pelo rei que, como o capitão da nau, dá voz à esperança de que Deus não os deixará perecer. Ter enfrentado a morte e ter-se salvo, levou-os à verdade. A “irmã morte”, disse o Papa - citando São Francisco - de forma surpreendente, torna-se numa ocasião para conhecer a esperança e para encontrar o Senhor…

 

“Que o Senhor nos faça compreender isto, a ligação entre a oração e a esperança. A oração te leva para a frente na esperança e quando as coisas se tornam escuras… mais oração!. E haverá mais esperança”, concluiu.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados