Página Inicial







Espanha: Prémio Mundo Negro para a Fraternidade
10 de Fevereiro de 2017

Em Bangui, na República Centro-Africana, eles são conhecidos como “Gêmeos de Deus” e vão receber o prémio Mundo Negro para a Fraternidade.

 

“Eles são diferentes em quase tudo. Um deles é o cardeal Nzapalainga, alto e corpulento, arcebispo de Bangui e logicamente católico. O outro é o imã Kobine Layama, magro e alongado, líder muçulmano da capital e, não surpreendentemente, muçulmano. Diferentes, mas iguais na luta para alcançar a paz através do diálogo e um futuro melhor e reconciliado para o seu povo”.

 

Os dois “gêmeos” estão em Madrid para receber o prémio "Mundo Negro para a Fraternidade 2016" e participar como oradores no "XXIX Encontro África", organizado anualmente pela revista "Mundo Negro" dos Missionários Combonianos em Espanha.

 

O tema da conferência deste ano é "O islamismo e o cristianismo, o diálogo sob o mesmo teto" e se encaixa perfeitamente com o que pensam e vivem estes dois líderes religiosos da África Central. Os dois entregam-se, há vários anos, na busca pela paz. E não apenas teoricamente, mas a arriscar a própria vida.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados