Página Inicial







Mundo: Novos objetivos de desenvolvimento e dignidade para todos
22 de Setembro de 2015

As Nações Unidas e os Estados-membros vão lançar no fim de setembro os novos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

 

A nova agenda 2030 tem como base os Objetivos de Desenvolvimento do Milênio, (ODM), que foram criados no ano 2000 com oito metas que incluem o combate à pobreza e questões de saúde e educação.

 

O novo documento é mais amplo e apresenta um "mapa" com o objetivo de alcançar a dignidade para todos nos próximos 15 anos.

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, afirmou que o novo plano tem a oportunidade de acabar com a pobreza até 2030, transformar vidas e encontrar formas de proteger o planeta.

A nova agenda tem 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e 169 metas que vão estimular a ação pelos próximos 15 anos em áreas essenciais para a humanidade e o planeta.

Além disso, os ODSs vão concluir o que as metas do milênio não conseguiram alcançar.

 

Objetivos

01 - Acabar com a pobreza em todas as suas formas e lugares.

02 - Acabar com a fome, alcançar a segurança alimentar e melhoria da nutrição e promover a agricultura sustentável.

03 - Assegurar uma vida saudável e promover o bem-estar para todos de todas as idades.

04 - Assegurar uma educação inclusiva, equitativa e de qualidade. Além disso, busca promover oportunidades de aprendizagem ao longo da vida para todos.

05 - Igualdade de gênero e empoderamento de mulheres e raparigas.

06 - Assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e do saneamento para todos.

07 - Garantir o acesso confiável, sustentável e moderno e a preço acessível à energia.

08 – Crescimento econômico inclusivo e sustentável; emprego pleno e produtivo e trabalho decente para todos.

09 - Construir infraestruturas resilientes, promover a industrialização inclusiva e sustentável e fomentar a inovação.

10 - Reduzir a desigualdade dentro dos países e entre eles.

11 - Tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis.

12 - Assegurar padrões de produção e de consumo sustentáveis.

13 - Determinar medidas urgentes para combater a mudança climática e seus impactos no mundo.

14 - Conservação e o uso sustentável dos oceanos, dos mares e dos recursos marinhos para o desenvolvimento sustentável.

15 - Proteger, recuperar e promover o uso sustentável dos ecossistemas terrestres e gerir as florestas de forma sustentável. Além disso, busca combater a desertificação, deter e reverter a degradação da Terra e deter a perda de biodiversidade.

16 - Promover sociedades pacíficas e inclusivas para o desenvolvimento sustentável, proporcionar o acesso à justiça para todos e construir instituições eficazes, responsáveis e inclusivas em todos os níveis.

17 - Fortalecer os meios de implementação e revitalizar a parceria global para o desenvolvimento sustentável.

 

Cada um dos 17 objetivos da nova agenda 2030 tem diversas metas, no total 169, que devem ser alcançadas nos próximos 15 anos.

 

O secretário-geral da ONU, Ban Ki-moon, acredita que será possível atingi-las se houver uma grande participação e forte apoio não só dos Estados-membros, mas também das organizações parceiras, da sociedade civil e da população em geral.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados