Página Inicial







Vaticano: Rádio Renascença entrevistou o Papa
15 de Setembro de 2015

Aura Miguel, jornalista da Rádio Renascença e vaticanista há 29 anos, entrevistou o Papa Francisco no Vaticano durante a semana em que decorreu a visita “ad Limina Apostolorum” dos bispos portugueses neste mês de setembro. Uma entrevista exclusiva que constitui um marco importante e significativo para a Emissora Católica Portuguesa e para a Igreja em Portugal.

 

Na entrevista, o Papa Francisco afirma que as pessoas estão desiludidas com a “corrupção a todos os níveis”. Acredita que o “grande desafio da Europa é voltar a ser a mãe Europa” e apela ao acolhimento dos refugiados que estão a chegar ao Velho Continente. Em particular em relação a este problema o Papa Francisco afirma que a causa destes refugiados é um sistema socioeconómico mau e injusto.

 

O Santo Padre nesta entrevista à Rádio Renascença pede que a catequese “não seja teórica” e que a Igreja saia de si mesma. Acredita que Fátima faz de Portugal um país “privilegiado” e faz uma revelação interessante: “Nunca conheci um português mau.”

 

Francisco também manifesta a sua “vontade” de visitar Portugal, e em particular Fátima, em 2017, no centenário das aparições na Cova da Iria.

 

A entrevista completa está disponível (em texto e áudio) na página de Internet da Rádio Renascença.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados