Página Inicial







Mundo: Movimento Católico Global pelo Clima
12 de Outubro de 2015

A mudança climática afecta a todos, mas principalmente aos mais pobres e vulneráveis entre nós. Inspirados pelo Papa Francisco e a encíclica Laudato si’, imploramos que se reduzam drasticamente as emissões de carbono para que o aumento da temperatura global não supere o perigoso nível de 1,5°C, e que se ajudem os países mais pobres para que resistam aos impactos da mudança climática. Neste sentido propomos a cada um dos leitores que se junte ao Movimento Católico Global pelo Clima (GCCM, sigla em inglês), uma nova rede internacional de instituições católicas e de pessoas individuais, unidas pelo apelo do Papa, com o objectivo de cuidar a criação. Inscreva-se e assine a petição, clicando aqui.

 

Preocupados com a mudança do clima causada pelo homem e unidos por nossa fé católica, nos unimos como um movimento de organizações católicas para cuidar da criação, em favor dos mais pobres – que são os mais vulneráveis à mudança do clima –, e em favor das jovens gerações – que enfrentarão os piores impactos nos próximos anos. Convidamos os católicos a trabalhar pela renovação de nossa relação com a criação e com nossos irmãos e irmãs na pobreza, e instamos nossos líderes políticos a assumirem compromissos ambiciosos para resolver esta urgente crise climática e manter o aumento da temperatura global abaixo de 1.5°C (em relação a níveis pré-industriais).

 

A campanha de assinaturas do GCCM pelo Clima, que foi aprovada pelo Papa Francisco e pelo Cardeal Turkson, está a ser lançada em todo o mundo. O Cardeal Tagle e a Conferência Episcopal das Filipinas estão activamente a promovê-la, a fim de recolher 10 milhões de assinaturas.

 

Recentemente, foi lançada também uma campanha de oração #Pray4COP21 com o objectivo de se conseguir um acordo climático efectivo na Cimeira sobre o Clima da ONU no próximo mês de Dezembro, em Paris. Milhares de pessoas e grupos rezarão até ao dia 11 de Dezembro: pelos esforços dos líderes mundiais, pelas comunidades afectadas pelas perturbações climáticas, e pela nossa própria conversão ecológica.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados