Página Inicial







Vaticano: É possível a paz na Síria
6 de Julho de 2016

Foi publicada na terça-feira, 5 de julho, uma mensagem vídeo do Papa Francisco em favor da paz na Síria e que está incluída numa campanha da Caritas Internacional. O Santo Padre fala do sofrimento “indescritível” do povo sírio numa guerra que já dura há cinco anos.

 

“Hoje desejo falar de algo que entristece muito o meu coração: a guerra na Síria, que já entrou no seu quinto ano”, anuncia o Papa em sua mensagem pela paz na Síria.

 

O Pontífice define como “indescritível” o sofrimento da população, obrigada a sobreviver sob as bombas ou a procurar caminhos de fuga para outros países ou para zonas da Síria menos atingidas pela guerra.

 

“Enquanto o povo sofre, gastam-se incríveis somas de dinheiro no fornecimento de armas aos que fazem a guerra”, denuncia Francisco, citando também o jogo duplo de alguns países, que ao mesmo tempo em que apelam à paz, fornecem armas.

 

“Como podemos acreditar em alguém que nos faz carinho com a mão direita e nos golpeia com a esquerda?  Encorajo todos, adultos e jovens, a viver o Ano Santo da Misericórdia com entusiasmo para vencer a indiferença e proclamar com força que a paz na Síria é possível”, exorta o Papa.

 

Neste sentido, o Santo Padre faz um convite para rezar pela paz na Síria em vigílias de oração, em iniciativas de sensibilização com grupos, paróquias e comunidades.

 

Francisco se dirige também aos que estão envolvidos nas negociações de paz para que levem a sério os acordos e façam um esforço concreto para facilitar o acesso à ajuda humanitária.

 

“Todos devemos reconhecer que não existe uma solução militar para a Síria: só uma solução política. Juntemos forças, em todos os níveis, para garantir que a paz na amada Síria seja possível. Isto será um grandioso exemplo de misericórdia e de amor para o bem de toda a comunidade internacional!”, conclui o Papa.

 

A Cáritas fornece alimentação, assistência de saúde, bens de primeira necessidade, instrução, refúgio, consultoria psicológica, proteção na Síria e nos países que abrigam refugiados. Somente no ano passado, as Caritas nacionais levaram ajudas a 1,3 milhão de pessoas.

 

Para promover esta campanha, a Cáritas Internacional está a lançar também um novo portal.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados