Página Inicial







Mundo: Liberdade religiosa no mundo está a piorar
4 de Maio de 2016

A liberdade religiosa no mundo está a piorar a olhos vistos, segundo Comissão para a Liberdade Religiosa Internacional que monitoriza ameaças e violações deste tipo em todo o mundo.

 

Na maioria dos países supervisionados pela comissão a situação piorou, explicou, segunda-feira, o presidente da comissão Robert P. George, durante a apresentação do relatório anual, em Washington.

 

A maioria dos países de preocupação encontram-se em África, Médio Oriente e sudeste asiático, mas há temas polémicos na Europa Ocidental que merecem a atenção da comissão americana para a liberdade religiosa internacional.

 

O Paquistão, onde a perseguição de cristãos e membros de outras minorias se tem agravado, é um dos países apontados como sendo de grande preocupação.

 

Há vários anos que a lista dos países intolerantes não sofria alterações, sendo composto pela Birmânia, China, Eritreia, Irão, Coreia do Norte, Arábia Saudita, Sudão, Turquemenistão e Uzbequistão. Recentemente, porém, foi adicionado um décimo país, o Tajiquistão.

 

A Comissão recomenda, contudo, que sejam também acrescentados o Egipto, a República Centro-Africana, o Iraque, a Nigéria, o Paquistão, a Síria e o Vietname. Dos países recomendados em 2015 apenas o Chipre e o Sri Lanka deixaram de constar, pelas suas situações terem melhorado.



© copyright Missionários Combonianos - Revista Além-Mar | Todos os direitos reservados